terça-feira, 9 de agosto de 2016

SUSPEITO DE ESTELIONATO PRESO PELA GCM!!!

Através de várias denúncias realizadas por populares do município e averiguando constar na Delegacia de Polícia alguns boletins de ocorrência envolvendo golpes com cartões bancários trocados de clientes, a Guarda Civil Municipal lançou a placa do veículo suspeito em seu novo sistema de monitoramento recém inaugurado pela atual gestão, sendo que na data de 07 de agosto do corrente ano, por volta das 10:00h, acusou que o veículo UP da VW, placa FTZ3865, na cor preto, pertencente ao município de São Paulo, havia adentrado em Itupeva.

Diante do disparo do alarme de aviso, o COI (Central de Operações e Inteligência) rapidamente movimentou as viaturas de plantão com vistas a abordagem. Próximo ao Banco Itaú, o veículo foi abordado pela equipe da VTR 25 onde o condutor Rodrigo A. F. Cavalcanti, morador da cidade de São Paulo, e o veículo UP foram conduzidos até a Delegacia de Polícia.

Em revista realizada no veículo, foram encontrados 17 cartões de clientes do Banco Itaú, 1 máquina de leitura de cartões elavon e alguns comprovantes de débito em conta bancária.

A autoridade competente lavrou o boletim de ocorrência apreendendo os objetos e o veículo. O senhor Rodrigo foi liberado já que, diante da rápida atuação da Guarda Civil Municipal, não logrou êxito em fazer vítimas.

Caso você tenha sido vítima, poderá procurar a Delegacia do Município de Itupeva.








TENTATIVA DE ROUBO FRUSTRADA!!!

Neste domingo, dia 08 de agosto do corrente ano, dois indivíduos armados tentaram roubar a proprietária de um comércio localizado na Rua João Sai, no Bairro Santa Fé.

A vítima muito inteligente e corajosa percebeu que a arma era um simulacro (imitação) de uma arma de fogo e então reagiu, veio as vias de fato com o infrator e com a ajuda de populares que estavam pelo local, conseguiram deter os dois indivíduos até a chegada da Guarda Civil Municipal.

Os dois maiores de idade, sendo Fernando Nogueira Teixeira morador do Bairro São João e Joemerson dos Santos Silva morador do Bairro Hortensia foram conduzidos a Delegacia de Polícia do Município onde a autoridade competente lavrou boletim de ocorrência e determinou a prisão em flagrante delito dos dois indivíduos.



sexta-feira, 1 de julho de 2016

CÂMARA MUNICIPAL DE ITUPEVA APROVA A LEI DE CRIAÇÃO DO CANIL DA GUARDA CIVIL MUNICIPAL

Na tarde do último dia do mês de junho (30), em reunião extraordinária, o projeto de lei encaminhado a Câmara Municipal de Itupeva pelo senhor prefeito municipal Ricardo Bocalon, referente a criação do Canil da GCM, foi colocado em pauta para votação e aprovação pelos nobres vereadores em exercício.

A GCM marcou presença na sessão e acompanhou os trabalhos realizados, bem como os discursos tecidos pelos nobres vereadores, como o do senhor vereador Paulo Batista Nantes, que enobreceu os trabalhos realizados pela GCM, onde discursou sobre seu desejo de ver instituído o canil a muitos anos atrás, bem como pelo trabalho que vem sendo realizado pelo senhor prefeito municipal, com o objetivo de melhorar a cada dia mais a estrutura da Guarda Civil Municipal, propiciando assim melhores condições de trabalho para que a população seja a presenteada com maior segurança.

Com a aprovação da Lei da Criação do Canil, os trabalhos serão intensificados e será possível também melhorar as condições de trabalho perante aos GCMs, Cães e Sociedade.

Atualmente a Guarda possuí 4 cães - Thor (pastor alemão), Falko - (Pastor Malinois) - Panqueca (Border Collie) e o pequeno Boss (Pastor Malinois) que ainda é um filhote e está sendo treinado para farejar entorpecentes.

O melhor amigo do homem também é o melhor amigo do agente de segurança pública. Os cães cada dia mais estão sendo utilizados em diversas Instituições e para vários trabalhos diversificados em todo o mundo e até mesmo em grandes produções holywoodiana. Quem nunca viu nas telinhas os temíveis Dobermans em ação?

Os cães
- Atuam na prevenção, pois causa impacto psicológico contra criminosos;
- Estão sempre alerta. Os cães possuem sentidos mais aguçados do que os seguranças ou vigilantes, facilitando assim a detecção de invasores;
-É um dispositivo de imobilização;
-Estimula o trabalho da equipe de segurança, já que os cães possuem predisposição ativa para o trabalho;
-É considerado uma “Arma não letal”;
-Reduz custos,

Todos os cães são treináveis, mas para o trabalho policial algumas raças são mais aptas do que outras. As raças mais comuns treinadas para serem cães policiais são semelhantes às indicadas para serem cães de guarda são: Rottweiler, Pastor Alemão e Pastor Belga de Malinois. Tanto os machos quanto as fêmeas são treinados.

O treinamento começa com o cão ainda filhote, por volta dos dois meses de idade. Antes do treinamento específico, os cachorros policiais selecionados, baseando-se nas raças com melhor faro, passam por adestramento para socialização e obediência de comandos básicos, como responder quando o policial o chama, sentar, entre outros.

Isso serve para que ele obedeça ao policial quando estiverem em meio a muitas pessoas, evitando, assim, ataques por stress do animal em ambiente desconhecido.

O treinamento é específico, pois é necessário expor o faro do cão a odores pesados como o odor típico da droga, que são escondidas em diversos objetos para treinar o faro do cão.

Depois de um exaustivo treinamento do faro, o cão consegue captar o odor da droga até mesmo se ela estiver misturada a outros componentes com cheiros distintos na intenção de disfarçar o cheiro próprio da droga.

Após completo esse estágio, o cão policial é levado aos ambientes policiais para se acostumar com a agitação do lugar, pelos mesmos motivos do primeiro treinamento: socialização.

Quando já está trabalhando, no geral, o cão intercala períodos de descanso e trabalho de 50 minutos cada, para não afetar o faro do animal. Um cão policial costuma trabalhar ativamente até os 10 anos de idade, hoje em dia.

Os cães policiais não se limitam ao trabalho como farejadores, o treinamento completo, conhecido como “schutzhound”, inclui também o treinamento para guarda que inclui o comando de ataque e imobilização do meliante, auxiliando em uma intervenção policial quando necessário.







terça-feira, 21 de junho de 2016

GCM PREPARADA PARA INTENSIFICAR A FISCALIZAÇÃO DA SOLTURA DE PIPAS COM CEROL NO PERÍODO DE FÉRIAS

A ação está sendo intensificada, principalmente, neste pré-início do período de férias e se estenderá por todo o mês de julho.

Pais, fiquem alertas com seus filhos!!! CEROL é CRIME!!!

Em Itupeva a preocupação com a segurança sobre este assunto não é diferente, assim, para que não ocorram fatos de mortes e lesões no município, a Guarda Municipal faz regularmente a fiscalização na cidade e já apreendeu pipas e papagaios com cerol.

Durante a realização do patrulhamento nos bairros, quando encontramos as crianças, fazemos a abordagem para orientá-las sobre o cerol. E se as pipas estiverem com o material, são recolhidas.

A brincadeira pode ser perigosa: “Sem mencionar outros riscos que as crianças correm com esta brincadeira, como levar um choque, pela proximidade das redes elétricas e até mesmo atropelamento na hora de pegar a pipa que caiu”.

Em Itupeva, a lei municipal nº 1324 de 20 de novembro de 2001, prevê a apreensão e incineração tanto da pipa, quanto do cerol recolhido nas ruas, por pessoas que estejam praticando este crime. Já para os comerciantes deste produto, a punição pode ser ainda pior, pois o estabelecimento pode receber desde uma advertência, até a cassação do alvará de funcionamento, além de pagar uma multa.

Além da Lei Municipal, estamos amparados também pela LEI ESTADUAL 10.017 de 1998 proíbe expressamente a fabricação e a comercialização da mistura de cola e vidro moído utilizada nas linhas para pipas, cuja infração do disposto na lei supracitada sujeitará o estabelecimento infrator a advertência pela autoridade competente e em caso de reincidência ao fechamento do estabelecimento.

No Estado de São Paulo há também a Lei 12.192 de 2006 que proíbe o uso de cerol ou de qualquer produto semelhante que possa ser aplicado em linhas de pipas. Determina que o não cumprimento da norma acarretará ao infrator o pagamento de multa no valor de 5 UFESPs, e sendo o infrator menor, os pais serão os responsáveis. É importante frisar que legislações parecidas são encontradas em outros entes federativos, como Rio de Janeiro e Minas Gerais.

Os pais ou responsáveis podem responder por lesão corporal ou homicídio.




MÁQUINA DE LAVAR FURTADA DA APAE É ENCONTRADA

Os GCMs Gonçalves e Gilberto, da Guarda Civil Municipal de Itupeva, apoiados pelo GCM Paulo e GCM Alcântara e a GCMF Mônica recuperaram, na manhã desta sexta-feira, dia 17, uma máquina de lavar roupas que havia sido furtada na APAE de Itupeva.

A GCM recebeu uma denúncia, que informava que dois elementos estariam em atitude suspeita, em uma mata localizada no Portal de Santa Fé, próximo a uma trilha na lateral da APAE, que dá acesso à Vila Independência.

Logo que os GCMs chegaram no local, os indivíduos fugiram. Ao realizarem uma varredura pela mata, foi localizada uma máquina de lavar, que havia sido furtada da instituição há alguns dias.

Os guardas acreditam que os autores do furto esconderam o eletrodoméstico no intuito de conseguir um receptador. A ocorrência foi apresentada na Delegacia de Polícia de Itupeva, que realizou a apreensão e posteriormente providenciará a devolução da máquina para a APAE.

http://www.jornaldeitupeva.com.br/2016/06/17/maquina-de-lavar-furtada-da-apae-e-encontrada/